Animais da raça bonsmara possuem marcações de controle em suas orelhas. Bois da raça bonsmara haviam sido furtados de fazenda em Marabá Paulista
Polícia Civil
A Polícia Civil conseguiu recuperar, nesta quarta-feira (8), 46 cabeças de gado da raça bonsmara que haviam sido furtadas de uma fazenda em Marabá Paulista (SP).
Os bovinos foram encontrados em uma estância em um assentamento rural na cidade de Castilho (SP), na região de Araçatuba (SP), a mais de 180 quilômetros de distância de Marabá Paulista.
A Polícia Civil foi acionada sobre o caso por um representante da fazenda, que relatou que na madrugada da terça-feira (7) indivíduos desconhecidos adentraram a propriedade rural e arrebanharam e embarcaram os 46 bovinos, cada um pesando em média 16 arrobas (240 quilos) e com 15 meses de idade.
Os policiais passaram a investigar o caso, obtiveram informações sobre o possível paradeiro dos animais furtados e dirigiram-se até o município de Castilho, juntamente com o administrador da fazenda vítima do crime.
Em um lote do assentamento em Castilho, o representante da fazenda reconheceu, sem sombra de dúvidas, os animais furtados, uma vez que todos possuem marcações de controle em suas orelhas.
Com isso, os 46 animais foram recuperados e devolvidos à vítima.
Ainda em buscas no mesmo lote, foram localizados uma espingarda sem calibre aparente, sete munições íntegras (cinco de calibre 38 e duas de calibre 16) e três cartuchos deflagrados de calibre 38, em posse de um homem de 58 anos, identificado como proprietário da estância. Ele foi preso em flagrante, mas acabou liberado depois mediante pagamento de uma fiança, cujo valor não foi divulgado pela polícia.
Dois funcionários da estância que estavam no local também foram conduzidos à Delegacia da Polícia Civil, onde foram ouvidos e liberados posteriormente.
As investigações buscarão esclarecer a eventual participação dos três indivíduos no caso.
Espingarda e munições foram apreendidas em assentamento em Castilho
Polícia Civil
Veja mais notícias em G1 Presidente Prudente e Região.